home Destaques, Formação Mulher, o que aconteceu contigo?

Mulher, o que aconteceu contigo?

Mulher, o que aconteceu contigo?

“Toda mulher é um inestimável dom para este mundo e, como tal, precisa se compreender e enxergar.” (Padre Adriano Zandoná)

Gostaria de refletir sobre o que tem acontecido com a mulher. Tenho percebido que a figura feminina tem ficado um tanto distorcida nesses tempos. Não, eu não acho que devemos ficar em casa apenas cuidando dos filhos, do marido e do lar, até porque não vivo isso. Mas quero tentar resgatar algo que está adormecido,escondido, desaparecido com todas essas ideologias que muitos querem nos “enfiar goela abaixo”.

Não podemos negar que nós mulheres temos e fazemos coisas bastante parecidas. Isso porque nós mulheres temos algo que faz parte de nós, mesmo que em algumas esteja um pouco mais adormecido. Não importa quem você seja, o ser mulher tem uma característica que está presente em cada uma de nós.

A mulher tem o dom de enxergar as coisas de uma forma diferente

A mulher tem em si o dom de enxergar as coisas de uma forma diferente, é um dom que já vem de fábrica, mas como todo dom ele deve ser usado e praticado. É algo que é só nosso, uma forma de lidar com as pessoas, com situações.

“A mulher tem um jeito único de enxergar a realidade. Ela independentemente dos capítulos de sua história pessoal, apresenta como que uma “inclinação natural” para enxergar a vida e as pessoas com os olhos do coração.” (Pe. Adriano Zandoná)

Devido a tantas “pressões” vividas nos dias de hoje, sendo elas de cunho social, traumático ou emocional, algumas mulheres tem ficado confusas. Muitas perderam a identidade e não conseguem se reconhecer, se ver como criaturas belas criadas por Deus, se aprisionando dentro de seus medos e traumas, impedindo que amem e que sejam amadas.

Percebam que aonde vamos, as pessoas vem com discursos que aparentemente são lindos, mas se perdem quando eu me preocupo apenas comigo mesma. Tais discursos, como eu disse, aparentemente dizem que lutam pelos direitos das mulheres, que querem o melhor para nós, mas na verdade só querem ser melhores que os homens, e não buscam ser melhores para a sociedade.

“E da costela que tinha tomado do homem, o Senhor Deus fez uma mulher, e levou-a para junto do homem. “Eis agora aqui - disse o homem - o osso de meus ossos e a carne de minha carne; ela se chamará mulher, porque foi tomada do homem”.”(Gn 2 22-23)

Olhem como são lindos os desígnios de Deus: Ele não quis que o homem fosse mais que a mulher, e nem a mulher mais que o homem. Mas sim que ambos se completassem. Ele não quis que a mulher estivesse abaixo e nem acima do homem, mas ao lado.

Resgatar a essência da mulher

Precisamos resgatar essa essência, as virtudes da mulher que é parceira, que está sempre pronta a oferecer o seu dom, amar e ser amada, voltar a ser a criatura que Deus criou com tanto amor. Eu fico imaginando quanto cuidado Deus teve ao nos criar, cada detalhe que Ele pensou.

“Muitas são as virtudes já presentes no coração feminino, muitas das quais precisarão ser resgatadas e melhor potencializadas. Tais dotes são como bússolas que o Criador depositou em cada mulher, a fim de guia-las em um caminho de regresso à própria essência, inserindo-as em um trajeto de conquista do êxito e de uma verdadeira realização.”(Padre Adriano Zandoná)

Algo tão extraordinário assim pode-se comparar a uma obra de arte. Se você vai a um museu, existem lá várias placas de “não mexer”, “proibido”, “não rasurar” etc. Então não deixe que estraguem você, que é uma obra de arte de Deus.

 

Verônica Góes Duarte

Consagrada da Comunidade Vale de Saron

Acesse nosso Facebook e fique por dentro de todas as novidades da comunidade:
facebook.com/comunidadevaledesaron

Um comentário em “Mulher, o que aconteceu contigo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *